Aguarde por gentileza.
Isso pode levar alguns segundos...

Painel H&C
Revista H&C - Edição 103

Cheiro de carro: Futilidade ou Funcionalidade?

QUARTA-FEIRA, 2 DE AGOSTO DE 2017

Se você já passou pela experiência de mandar o seu carro lavar e no retor­no recebeu como presente um peque­no cartão embebido no pior cheiro do mundo, que fica impregnado por um tempão, está na hora de ler esse artigo.

O segmento de aromatização ambiental está em franca evolução no Brasil, mas há muito o que aprender em relação às formulações que hoje são utilizadas para perfumar os carros.

Se existe uma complexidade imen­sa para se escolher um perfume pessoal, levando-se em conta a anatomofisiolo­gia, alimentação, sexo, idade, perfil de atividade e até preferências culturais, imagina a vastidão que é escolher um perfume para o seu carro, ambiente que te leva e traz para o trabalho, lazer e compromissos do dia a dia.

Se você é formulador , ou está buscando lançar no mercado uma li­nha de perfumação para automóveis, precisa se aprofundar muito mais nos ensinamentos da neurociência.

É necessário entender que exis­tem inúmeros públicos a serem aten­didos, desde a mãe, que leva os filhos para escola, para aula de futebol , de inglês, de balé e todas as outras atividades infantis, até o motorista do Uber, que faz via sacra em todas as grandes cidades desse nosso país.

Existem muitos tipos totalmente diferentes de potenciais consumidores para uma linha de perfumaria dedica­da aos veículos de transporte diário. Mas existe uma premissa básica que jamais deve ser esquecida: há que se ter um perfume funcional, isto é um cheiro que possa “fazer coisas” para todos aqueles que tiverem a oportu­nidade de conviver, mesmo que num efêmero tempo, dentro do seu carro.

Os pontos básicos.....

A fragrância deve transmitir lim­peza e prolongar os efeitos do carro recém limpo. Porém é preciso atenção: o cheiro do seu carro deve ser muito diferente do cheiro da roupa recém lavada, portanto nada de usar aquela fragrância que você escolheu para o amaciante de roupas.

O perfume para carro deve trans­mitir segurança, afinal no volante vai um motorista que precisa estar atento a tudo o que acontece lá fora.

Relaxar definitivamente não é o estado mental que se espera de um motorista prudente que passa o dia todo dentro do carro. Foco e atenção , estas sim são qualidades apropria­das que uma fragrância deve estimu­lar ao condutor.

A família olfativa também deve ser democrática e contemplar a pre­ferência de muitos públicos diferentes - fuja dos cheiros polarizadores, como notas excessivamente adocicadas ou intensamente condimentadas.

Estudos dentro da área de Aroma­cologia mostram que a escolha certeira está na família dos cítricos. Os refres­cantes e estimulantes óleos essenciais de limão siciliano, mandarina, petit grain, grapefruit e laranjas são os mais apropriados para se trabalhar uma bela linha de perfumes automotivos.

Referências no mercado interna­cional já passaram por grandes marcas como BMW e Mercedes-benz, ambas marcas alemãs, voltadas para um con­sumidor sofisticado, morador do conti­nente europeu, onde as temperaturas anuais médias passeiam bem abaixo das existentes aqui no nosso país. Com isso quero dizer que o que é usado lá fora definitivamente não se adequa para a nossa Terra Brasilis.

Não pense que a tarefa é simpló­ria afinal de contas um perfume para o seu carro precisa transmitir também muita personalidade.

Combinar de forma criativa es­tes tons cítricos naturais com acordes amadeirados, muito bem harmoniza­dos, com notas herbais e pinceladas de florais leves, vai trazer uma proposta única para esse ambiente tão impor­tante que é o seu carro.

Vejo aqui uma excelente opor­tunidade de novos projetos, que exi­gem aprofundar estudos de mercado, para trabalhar de maneira séria e pro­fissional.

Idéias inovadoras não faltam, é possível criar um cheiro para seu car­ro te levar ao trabalho, outro para a balada. Um para equilibrar crianças no banco de traz e outro para ajudar seu cliente a ouvir sua proposta de negó­cios. Imagine cheiros que te ajudem a atravessar o rush de 6 da tarde, reme­tendo você as ervas campestres....

Pense na minha proposta!

Mais sobre esta Edição
Parceiros H&C
  • Abipla
  • ABC
  • Abre
  • ABT
  • Anvisa
  • FCE Cosmetique
  • AACD
Rua Rio da Prata, 164 - Brooklin - São Paulo - SP - Brasil - CEP: 04571-210

Ftech Soluções em Internet